sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Escondidinho de macaxeira com charque

Este é um prato único delicioso e com sabores que lembram o meu Brasil. Já fiz algumas vezes, mas antes do blog. Como na minha mala de volta do Brasil eu tinham alguns pacotes de charque, resolvi usá-los de forma digna.

Nada melhor que um escondidinho de macaxeira com charque, ou de mandioca com carne seca. Ou de aipim, como quiser chamá-lo.



As quantidades dependem de cada um. Eu usei um pouco mais de 1kg de macaxeira para 750g de charque.

Comecei dessalgando a charque: para isso basta cortá-la em pedaços grandes, colocar para ferver, retirando a água e repetindo o processo 3 vezes. Depois, na panela de pressão, cozinhá-la por 30 minutos. Esperar esfriar e desfiar a charque toda, retirando o excesso de gordura.

Descascar a macaxeira, cozinhá-la em água com sal até que fique macia. Escorrer a macaxeira, reservando a água do cozimento (não jogue fora, ela vai ser usada para o purê de macaxeira). Amassar a macaxeira com o garfo, ou passando pelo espremedor de batatas. Juntar água do cozimento até dar o ponto de purê. Temperar com sal, pimenta do reino e noz moscada.
Refogar a charque no óleo ou azeite com 2 cebolas picadas. Deixar ficar bem dourada. Juntar salsinha e cebolinha picadas e desligar o fogo.

Num refratário que possa ir ao forno, fazer uma camada de purê de macaxeira. Colocar por cima a charque refogada, fazendo uma camada generosa. Distribuir queijo ou requeijão cremoso e cobrir com o restante do purê de mandioca. Colocar mais queijo em cima e levar ao forno para gratinar.




No início do blog eu fiz um escondidinho parecido, com purê de batata, frango desfiado e ricota. Até hoje é uma das receitas mais acessadas do blog. Já viu? Então olha aqui.

22 comentários:

  1. Bom dia Kati,
    É uma forma muito digna de utilizar o charque, o escondidinho ficou muito apetitoso, sem dúvida fez muito sucesso pois estava delicioso.
    Beijo, bom final de semana,
    Vânia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vânia,
      eu tinha que valorizar a charque que eu trouxe, com tanto carinho. Não achei melhor que um escondidinho! =)
      Beijo e bom fim de semana.

      Excluir
  2. Oi! Confesso que nunca experimentei estes teus ingredientes, mas ficou com um ar tão apetitoso que experimentava agora mesmo!
    Beijinhos
    Paula

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paula, são ingredientes que a gente encontra com facilidade no Brasil inteiro. Se tiver a oportunidade, prove este prato! =)
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Kati, que delícia, adoro escondidinho !! Com aipim e carne seca então, melhor ainda !!
    Agora me conta, onde você consegue carne seca menina, aqui na Alemanha nunca consegui encontrar!!

    Beijinhos
    Marisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marisa, eu também nunca vi aqui na França. A minha vem do Brasil. Sabe aquelas embaladas a vácuo, em porções de 500g? Trouxe 4 pacotes na minha última viagem, em novembro. Já usei nesse escondidinho e para fazer tapioca (a goma fresca também veio do Brasil), e ainda tenho em casa!
      =D
      Beijos

      Excluir
  4. Obrigada Kati, acho que da próxima vez que for ao Brasil vou fazer como você e já vou trazer um pequeno estoque de lá !! rsrsrs

    Beijinhos
    Marisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é...para os produtos que não podem ser substituídos, só tem essa solução mesmo.
      Beijos

      Excluir
  5. Kati minha linda.. não tem palavra para descrever essa visão não..
    Jesus Cristo que pecado é esse amiga?
    Olha eu nunca fiz assim com tanta generosidade... Ficou lindo..
    E esse queijo por cima deu uma carinha de quero mais que você não tem ideia..
    Oh meu Deus como pode? Eu em plena 09h30 da manhã desejando almoçar srsr
    Amei por demais da conta..
    A receita está perfeita..

    Beijokas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sheila, minha querida!
      Ficou bem generoso, porque, como a gente diz na minha terra, desmantelo só presta quando é grande! Se for pra fazer algo, que seja bem feito! =)
      Adoro tuas visitas e teus comentários, eles deixam o meu dia mais bonito! =)
      Obrigada pelo carinho, viu?
      Beijão!

      Excluir
  6. Que prato lindo, ai que vontade de comer agora
    bom final de semana
    beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Kati! Primeira vez que visito o seu cantinho e adorei! Desculpe a minha distração, mas só hoje percebi um comentário seu em meu blog, então vim conhecê-la... Adoro encontrar pernambucanos nesse mundo dos blogs! Prometo que estarei sempre por aqui a partir de agora! Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Van,
      obrigada pela visita e pelo carinho! Beijos e até breve.

      Excluir
  8. Oi Kati minha querida, eu adoro escondidinho com carne seca.Sua receita ficou linda e deve ser deliciosa.Beijos querida, tenha um lindo final de semana.

    ResponderExcluir
  9. Kati querida adoro escondidinho e se de carne seca, mais ainda, adorei seu prato. Ficou muito suculento e com um recheio bem caprichado, que queijo é esse que vc usou?
    Ficou tão cremoso!!! Adorei. Bjocas um ótimo final de semana miga

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Josy, eu usei um queijo chamado Reblochon, que é o mesmo usado na Tartiflette (http://katmont.blogspot.com/2012/11/tartiflette.html). Ele tem um sabor forte (acho que da para comparar com o provolone), uma crosta que fica bem dourada, perfeita para gratinar, e por dentro ele é bem macio, derrete e fica suculento como você pode ver na foto. Eu tenho sorte de poder usar muitos queijos franceses. Não sei se tem dele no Brasil.
      Beijão!

      Excluir
  10. Oi Kati, que delicia, amo macaxeira e carne de charque, quando fui ao Brasil esse ano comi bastante, fui feliz rs rs. Amiga, obg pelo carinho para com a revista, é isso que me recompensa, fiquei mto feliz pq vc gostou. Beijos =*

    ResponderExcluir
  11. Olá Kati! Este é o tradicional escondidinho - com carne seca. Feito aí na França, só posso classificá-lo como... LUXO! Gostei muito mesmo do aspecto dele. Tenho certeza de que foi um sucesso. Biejos, Paula

    ResponderExcluir
  12. Adoro esse danado chamado de escondidinho! Ele não consegue se esconder de mim; quando faço como muito hehehehe.... Bejos amiga

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...