sexta-feira, 27 de abril de 2012

Frango assado com laranja e mel

Essa foi a receita de estreia da minha assadeira. Comprei uma assadeira com revestimento em esmalte que vem com uma grelha e uma tampa. A tampa também vira outra assadeira, um bom negócio, não? Posso fazer assados deixando escorrer a gordura, sem precisar de papel alumínio, já que o prato fica fechado (uma pequena abertura para sair o vapor) e o calor circula ali dentro.

Enfim, deixando a assadeira de lado, vamos ao prato. Fiz uma vez para a ceia de Natal, ao invés do Sr. Peru, uma Senhora Galinha. E ficou deliciosa! Pois eu quis repetir a dose.


Usei:
4 coxas com sobrecoxa de frango, com a pele
2 dentes de alho amassados
suco de 4 laranjas
1 colher de sopa de mel
100mL de vinho branco
sal e pimenta do reino

Misturei bem todos os ingredientes e deixei marinando por 24h na geladeira em um pote fechado. Depois, separei a marinada das coxas de frango. Arrumei-as numa travessa sobre uma grelha, cobri com a tampa da assadeira (pode ser com papel alumínio), e levei ao forno por 40 minutos, retirando a cada 15 minutos para regar com o suco de laranja da marinada.


Depois, retirei a tampa (ou o papel alumínio), reguei mais uma vez e deixei dourar por 15 minutos. Esse franguinho acompanha muito bem uma batata gratinada.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Tomate seco caseiro

Isso é mais dica do que receita. Um pouco de paciência, um bom forno e muitos tomates! E você pode fazer essa delícia aqui que se compra tão cara, mas que é tão simples de fazer.

Preparem os tomates!


Para uma assadeira grandona, usei:
2kg de tomates

para o molho:
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de sopa de vinagre balsâmico
1 colher de chá de açúcar
sal, pimenta do reino
ervas de provença



Cortar os tomates ao meio, retirando as sementes (eu guardo as sementes e congelo para fazer molho de tomates depois). Arrumá-los com o corte para baixo no papel toalha. Deixar escorrer um pouco.
Quando todos os tomates estiverem cortados e escorrendo, preparar o molho misturando todos os ingredientes.
Arrumar os tomates, com o corte desta vez para cima, numa assadeira forrada com papel manteiga.
Regar com o molho, um pouquinho em cada metade, e levar ao forno preaquecido a 130°C por 1h30 (pode deixar até 2h se quiser ele bem sequinho).

Não fica uma beleza?
Agora basta criatividade para usá-lo em receitas variadas, como a saladinha, a pizza, a massa...


quarta-feira, 25 de abril de 2012

Carne acebolada ao molho de mostarda e batatas assadas com ervas

Alguns ingredientes são extremamente úteis numa cozinha. Entre eles, o vinho branco, aquele restinho da garrafa, creme de leite, um bom vidro de mostarda, cebola e alho.

E foi isso que virou o molho dessa carne. Posso dizer que ficou delicioso!


Ingredientes:
3 bifes
2 cebolas
100mL de vinho branco
1 colher de sopa de mostarda à l'ancienne (aquela com os grãos)
1 colher de sopa de creme de leite
1 dente de alho amassado
sal e pimenta do reino
azeite

Assei os bifes em um fio de azeite, em fogo alto, dourando primeiro os dois lados. Depois, baixei o fogo e deixei uns 5 minutos coberto com uma tampa para poder cozinhar dentro. Joguei as cebolas cortadas em rodelas, esperei que elas ficassem murchas. Depois, juntei o alho, esperei um pouco e joguei o vinho branco, raspando aquele queimadinho do fundo da panela que dá gosto. Juntei a mostarda e o creme de leite, e a carne estava pronta, com molho e tudo!

Para as batatas, usei batatas rosadas com casca e outras normais, sem casca. Elas foram regadas com azeite e ervas e foram para o forno por uns 40 minutos, virando-as na metade do tempo.



terça-feira, 24 de abril de 2012

Salada de frutas com iogurte

A dica de hoje não chega a ser uma receita. Afinal, salada de frutas a gente faz com as frutas da época, que a gente gosta e está com vontade de comer.


Nesta eu usei:
500g de morangos
2 maçãs verdes
2 bananas
5 laranjas
4 kiwis
uma colher de sopa de açúcar

O único detalhe foi a laranja, que eu descasquei bem, tirando inclusive a parte branca e cortei em rodelas, tirando as sementes com cuidado.

Depois, servi com um iogurte natural desnatado.

Quer sobremesa mais leve e fácil?


Canja de galinha

Falei que eu estive doente, né? E quer coisa para melhor para doente (mas não só) que uma boa canja de galinha? Essa daqui foi daquelas preparadas com amor... que na verdade é o ingrediente principal desse prato.


De origens portuguesas chegando até os brasileiros, por onde passa, faz sucesso.


Para essa daqui usei:
2 coxas com sobrecoxa de frango sem pele temperadas com
suco de 1 limão
sal, pimenta do reino
100mL de vinho branco
2 abobrinhas
4 cenouras
1 cebola
2 dentes de alho amassados
1 colher de sopa de purê de pimentão
100mL de molho concentrado de tomate
uns 2L de água, ou mais
arroz tipo agulhinha (não medi), foi em função da quantidade de líquido

Começar temperado a galinha com o suco de limão, sal e pimenta do reino. Deixar umas 2 horas para tomar gosto.

Cortar todos os legumes. Refogar a cebola e o alho num fio de azeite. Quando estiver dourado, juntar o frango. Deixar dourar bem no fogo alto. Depois juntar o vinho branco e mexer bem para tirar aqueles pedacinhos que ficaram agarrados no fundo da panela. Juntar o purê de pimentão, o molho de tomate, o caldo de legumes, os legumes e cobrir com água. Deixar ferver, depois baixar o fogo e deixar cozinhar tranquilamente durante uma meia hora.
Depois disso, tirar as coxas e as sobrecoxas, retirar os ossos, desfiar a carne e jogar a carne bem molinha na panela. Ela fica bem fininha e se mistura na sopa. Juntar o arroz e deixar cozinhar até ficar bem molinho. O arroz engrossa o caldo, depois é só juntar um pouco de água, se precisar.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Kir

Para comemorar a chegada de mais uma amiga querida, que andou dividindo os bastidores da minha cozinha (em breve, participação especial dela nesse blog), ofereço um brinde à minha amiga Mirella!

Um kir, drink tipico francês, à nossa saúde!


E como não poderia deixar de ser, a receita dele:

1 dedinho de licor de cassis
1 cálice de vinho branco (uva do tipo Sauvignon é o ideal)

Essa é a receita do clássico. A gente pode variar com licor de amora, pêssego, framboesa, violeta, amêndoas...

*****************************************************************************
Gente...estava meio ausente do blog, sem tempo para a cozinha. Tanta correria na vida que uma boa bronquite me pegou pra valer, e acabei de cama e de licença médica. Só assim para eu parar em casa e conseguir voltar à cozinha. Estou de volta, já recuperada!

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Quiche de frango com brócolis

Quando a gente está sem tempo, mas ainda assim quer fazer bonito quando as visitas aparecem, nada melhor que uma receita rapidinha e bem gostosa para valer por uma refeição completa. E foi assim que surgiu essa quiche de brócolis e frango. Primeiro, porque minha convidada é louca por brócolis. Depois, porque um frango desfiadinho bem temperado deixa tudo mais gostoso.



uma massa folhada (usei comprada pronta)
300g de brócolis (só as flores, os talos eu uso em sopa, junto com outros legumes)
3 peitos de frango desfiados
3 ovos
100mL de creme de leite
sal, pimenta do reino, noz-moscada
queijo ralado no ralo grosso para gratinar

Começar abrindo a massa numa forma. Fazer uns furinhos com o garfo e levar para assar por 15 minutos no forno preaquecido a 180°C. Enquanto isso, cozinhar as flores do brócolis por 3 minutos em água e sal. Retirar e colocar numa vasilha com água gelada e gelo. Deixar esfriar e escorrer.
Cozinhar o frango em água com ervas (como nesse caldo de frango caseiro). Desfiar (e se quiser, refogar com uma cebola picada e 2 dentes de alho. Juntar uma pitada de paprica e outra de cúrcuma para dar uma cor bonita.).
Em uma tigela, bater os ovos, juntar o creme de leite, temperar com sal, pimenta do reino e noz-moscada.
Retirar a massa do forno, arrumar as flores de brócolis na forma, espalhar o frango desfiado. Jogar por cima a mistura dos ovos e creme de leite. Salpicar queijo por cima e levar ao forno por uns 45 minutos.

Servir com uma salada verde.


segunda-feira, 2 de abril de 2012

Peixe ao molho de alcaparras

Para quem gosta de peixe, combiná-lo com alcaparras é uma maravilha. Pois foi com um vidrinho de alcaparras que eu tinha aberto na geladeira que eu tive vontade de fazer esse peixinho.


Primeiro, grelhei o peixe temperado com sal, pimenta do reino e tomilho em fio de azeite. Dourei os dois lados.

Depois juntei 100mL de vinho branco junto com uma colher de chá de fumet de poisson (tipo caldo de peixe, já se vende em pó, mas pode ser substituído tranquilamente por meio cubo de caldo de peixe, camarão ou legumes). Misturei bem, joguei por cima do peixe grelhado, deixei reduzi em fogo alto junto com as alcaparras.

Simples assim!

Servi com arroz 3 grãos e purê de batatas (com uma boa pitada de noz-moscada ralada na hora).


Fácil, né?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...