terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Garbure ou sopa rústica de feijão, pato e legumes

A garbure é pouco conhecida em outras regiões da França, eu só tive o prazer de conhecer quando fui morar no sudoeste (Bordeaux e Toulouse). Lá, podemos encontrá-la em restaurantes ou em casas de produtos regionais.

A garbure é uma sopa bem reforçada nascida no meio rural, comida rústica por excelência, uma mistura de tudo de bom que terra produz, pato, feijão branco e legumes. Feita para alimentar e para aquecer, este prato não é elegante, sua apresentação no prato não é requintada, é comida sem frescura mesmo. Daquelas que dá vontade de comer no almoço do domingo, depois da noitada no sábado, ou numa noite fria de inverno, ou em qualquer refeição quando precisamos de vitaminas e de uma comida bem nutritiva.



Este é um prato típico do sudoeste da França, da região próxima aos Pirineus. Lá o clima é ameno no inverno e quente no verão. Algumas espécies de feijão branco se adaptaram perfeitamente ao clima local. A região também é grande produtora de carne de pato, e também da famosa pimenta da Espelette (produzida na cidade de Espelette). A foto abaixo das pimentas secas eu tirei numa loja na cidade de Saint Jean de Luz, sudoeste da França.


A receita veio daqui, e eu adaptei alguns ingredientes que eu não encontrei, mas o sabor não foi comprometido. As quantidades são para 8 pessoas famintas em prato completo, e não aquela sopinha de entrada.

Ingredientes para o caldo de carne caseiro:
500g de pernil defumado (a extremidade com o osso) (não achei, eu usei costela)
9 grãos de pimenta do reino (usei pimenta do reino moída)
1 pimenta de Espelette ou 1/2 colher de chá de pimenta de Espelette em pó (usei páprica doce)
1 cebola espetada com 4 cravos
1 talo de salsão (eu usei folhas de salsão, que eu congelo para usar nos caldos)
1 ramo de tomilho
1 folha de louro

Ingredientes para a sopa:
1 repolho
6 cenouras
4 nabos
2 talos de alho-poró (parte branca)
6 batatas
250g de feijão branco
8 pedaços de coxa de pato cozido (confit de canard)

Na véspera, deixar o feijão de molho, ou por pelo menos 12h.

Preparar o caldo de carne caseiro:
No dia, em uma panela grande, colocar o pernil (ou a costela) numa panela com óleo quente e deixar dourar de todos os lados para selar. Juntar os grãos de pimenta, a pimenta de Espelette, a cebola espetada com os cravos, o salsão, o tomilho e o louro. Cobrir com 5L de água. Deixar ferver, fogo médio, panela tampada por 1h30.

Higienizar e cortar a cenoura e o nabo em pedaços grandes, o alho-poró em pedaços pequenos.
Depois do cozimento do caldo de pernil (ou costela), retirar a metade do caldo e reservar. Na panela grande, colocar os legumes (cenoura, alho-poró, nabo) e o feijão (que ficou de molho) escorrido. Deixar cozinhar por 1h.
Depois de 1h, juntar o repolho (retirar a parte central), lavado e cortado em lâminas e as batatas descascadas e cortadas em pedaços grandes. Juntar o caldo reservado até cobrir tudo e deixar cozinhar mais 30 minutos.

Finalmente, juntar o confit de canard, cozinhar mais uns 15 minutos, o tempo que ele se incorpore ao prato e esquente. Acertar o sal, a pimenta do reino.



Esta sopa é servida com um bom pedaço de pão filão. Este prato é ainda melhor no dia seguinte, requentado. Atenção na hora da conservação. Melhor mantê-lo bem refrigerado e retirar para esquentar somente o que vai ser consumido, evitando assim a fermentação do repolho.

Esta receita participa da Blogagem Coletiva Comer Bem para Viver Melhor. Legume da semana: feijão.


Organização da BC  Comer bem para viver melhor: eu mesma Kati, a Josy, a Ana Cláudia e a Margarida, em campanha para uma alimentação mais saudável.




23 comentários:

  1. Bom dia Kati, nao sei se o meu linck aparece para vcs, porque eu nao estou vendo, a mim nao me aparece, eu ja postei a receita no sabado mas esqueci do mosaico. Na quinta tb vou postar uma sopa de feijao!!

    Essa sua nunca tinha ouvido falar, mas fiquei com imensa vontade de experimentar, nossa que delicia!!!

    Beijocas

    Margarida

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Kati,
    Uma deliciosa sopa tipo da fazenda, a garbure ou sopa rústica de feijão, pato e legumes, imagino-a deliciosa com a variedade de ingredientes que possui, adorei.
    Beijo,
    Vânia

    ResponderExcluir
  3. Olá Kati !
    Uma sopa bastante nutritiva e com os ingredientes que tem certamente é uma delicia.
    Beijinhos :)

    ResponderExcluir
  4. Bom dia minha linda..
    Eita que delícia..
    Menina eu comi pato uma única vez na minha vida.. e devo confessar que o sabor me encantou..
    Essa sua sopa tem todos os ingredientes capaz de nos fazer babar por aqui em?
    Eita delícia!!
    Como sempre nos trás receitas maravilhosas em amiga?
    Dignas de muitos "Hummmm"
    Um beijo carinhoso no seu coração e uma terça-feira mais que linda viu?

    ResponderExcluir
  5. Uma sopa bem aconchegante, pena levar pato pois nao gosto.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá! Uma sopa com este frio sabe sempre bem. Esta parece ser muito reconfortante. Ainda não conhecia o blog. Vou ser sua seguidora. Parabéns!
    Beijinhos
    Paula

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paula,
      obrigada pela visita e sinta-se em casa aqui no blog.
      Beijo

      Excluir
  7. Kati,
    quando eu era criança na casa dos meus pais tinha uma criação de peru e pato
    eu amava pato assado com laranja, hoje em dia a carne de pato é cara demais, rsrs,
    os tempos mudam, rsrs.
    Sua sopa ficou rica, linda e saborosa, com este tempo fresco que faz por
    aqui bom demais!
    Bela postagem!
    bjs ♥

    ResponderExcluir
  8. Bom dia florzinha.
    Hum deu agua na boca.

    Tem novidade no blog. Confira ...
    http://arteemunhasluiza.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Minha mãe fazia uma sopa assim parecida Katinha, bem pedaçuda e reforçada, eu amava sopinhas assim, preferia essas do que as cremosas, pois adorava comer e sentir os pedaços de legumes e a carne. Adorei essa sopa, tem um nome pomposo e bonito. E como vc disse com um pedaço de um bom filão de pão macio pra molhar na sopa hehehe melhor ainda. Delicia, perfeita para um dia como hoje. Bjocas

    ResponderExcluir
  10. Gostei demais desta sopa!! Muito apetitosa.
    A receita do seu carne de carne é muito boa, estou levando comigo.
    bjo

    ResponderExcluir
  11. OI Kati,
    Que sopa mais apetitosa! Já deu vontade de fazer.
    O ano começou puxado para mim e ainda estou tentando por tudo em ordem, mas logo que possa quero participar da BC de vocês.
    Feliz 2013!
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Adorei a sopa! Por aqui está muito frio, essa sopa seria perfeita

    ResponderExcluir
  13. Obrigado pela visita seja sempre
    bem vinda
    E sobre a sopa eu achei ótima mesmo
    pq adoro todo tipo , no frio com
    uma torradinha vai bem
    Deixo um abraço com carinho
    Bjuss
    Rita!!!!
    ¨`*• (¨`•.•´¨) ♡ .•*

    ResponderExcluir
  14. É realmente uma sopa reforçada mas com óptimo aspecto!
    E no Inverno bem quentinha aposto que sabe mesmo bem!
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  15. Que sopinha boa essa!
    Até consigo sentir o sabor ... Que maravilha!!!
    Beijinho doce :)

    ResponderExcluir
  16. Lembra-me a sopa portuguesa bem tradicional do tempo da minha avó, que eu adoro.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  17. Como é bom aprender coisas novas, né?
    Adorei passear por aqui, a sopa está com uma cara ótima...rsrsr.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  18. Olá Kati
    Uma sopinha bem caprichada e reforçada!!
    Beijinho

    ResponderExcluir
  19. Olá Kati!
    Que mistura deliciosa de ingredientes nesta sopa, amei!
    Beijos, Oslaine

    ResponderExcluir
  20. Uma sopa bem reconfortante, acho que comendo um prato dessa sopa jã ficava satisfeita e jantada.
    bjs

    ResponderExcluir
  21. Oi, Kati,

    Que delícia esta sopa! Por influência de minha mãe eu mesma faço frequentemente umas sopinhas ricas assim, ontem mesmo fiz uma, rsrs. Esta é mais requintada e a presença do pato e alguns temperos devem dar um resultado muito bom!

    Beijo

    ResponderExcluir
  22. Kati, esta tua receita tinha-me escapado!
    Logo esta com pato! Nunca fiz sopa com pato, bem fiz canja.
    Adorei, que bom aspeto tem, o que me apetecia um prato assim agora.
    Obrigada querida pelas palavras tão amáveis que me deixaste.
    Desculpa a pergunta mas tens algum passatempo de aniversário? Ando perdida... à procura não anotei por achar que me lembraria e... esqueci!
    Bjs

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...